• Menos de 20% da população poupa alguma coisa

    Desde muito cedo sempre tive o hábito de poupar, incentivado pelo meu pai. Esse comportamento me ajudou a financiar minha faculdade durante um período e até mesmo a trazer uma certa tranquilidade caso fosse demitido, não me tornando escravo do emprego.

    Eu sei que não é fácil, mas, mesmo ao receber um salário não tão alto, tente guardar e aplicar pelo menos 10% do valor mensalmente, apesar que o ideal seria 30%. .

    Infelizmente em torno de 80% dos brasileiros gastam tudo que ganham e ainda acumulam dívidas futuras ou pagam juros exorbitantes. Se você está dentro destes 80%, mude, mas mude já!

    Reorganize sua vida financeira de modo a não gastar mais do que ganha e com objetivo de poupar uma parte do salário.

    Se você não pode aumentar as receitas, corte os gastos!

    Espalhe por ai:
  • Merchandising no ponto de venda

    Uma das áreas do Marketing é a Promoção de Vendas que, assim como outros itens, compõem toda a parte estratégica do #mkt.

    Em relação à Promoção de Vendas, a mesma é subdividida em outros 5 itens e um deles é o Merchandising no PDV (ou exibitécnica). Existem várias técnicas acerca de ações no ponto de venda e muitas dizem respeito ao modo de dispor o produto em gôndolas, por exemplo.

    Não sei se você sabia, mas existem “regras” / técnicas para a adequada exposição do produto.

    Na foto deste post há uma série de erros na arrumação dos produtos na categoria atomatados.

    E aí, você arrisca dizer quais os erros?

    Espalhe por ai:
  • Palestra: Universidade Colaborativa e Empreendedorismo

    Universidade Colaborativa e o Empreendedorismo. Este foi o tema abordado na noite de ontem no Centro Universitário de Lins – Unilins.

    Convidado pelo Professor Dr.Ricardo Molto,  tive o prazer de palestrar sobre Empreendedorismo para futuros engenheiro(a)s civis, ambientais e arquiteto(a)s.

    Ainda, a noite contou com a presença da Estella e do Matheus, idealizadores do @nossobrigadeirolins, que relataram sobre suas trajetórias empreendedoras, após a formação em Engenharia.

    Só posso dizer que foi show de bola, uma noite maravilhosa!

    Espalhe por ai:
  • Você consegue enxergar a letra C, embutida no símbolo do logo do Carrefour?

    Observe bem o logotipo da empresa francesa @carrefourbrasil e responda o seguinte desafio: você consegue enxergar a letra C, embutida no símbolo deste logo?

    Muitas pessoas acham que o símbolo contido no logo representa uma seta, ou até mesmo uma âncora. Em verdade, o fantástico desenho deste logo consiste em um losango com duas setas dentro, ou um quadrado com o C dentro.

    Sensacional, não é mesmo? O mais impressionante ainda é saber que “por trás” desta percepção existe um conceito chamado Lei do Fechamento – que faz parte da Gestalt (forma; estudo da percepção humana sobre as formas). Esta regra estabelece que nosso cérebro “enxerga” objetos que estão agrupados como sendo um único item, e isso é o que acontece no símbolo do Carrefour.

     

    Espalhe por ai:
  • Como elaborar meu currículo?

    Uma dúvida muito comum aos jovens que procuram o primeiro emprego é sobre a elaboração do currículo.  Colocar ou não colocar foto? Quantas páginas o currículo deve ter? Devo ou não colocar todos os cursos que realizei em minha vida? Fiz algum tipo de trabalho voluntário, devo mencionar? Colocar ou não a pretensão salarial? Tenho que colocar o número do meu RG? Posso colocar letras enfeitadas?

    Como você pode perceber, apesar de ser um assunto relativamente simples, existem alguns itens que causam dificuldades para muitos. Se isso também acontece com você, não se apavore, afinal, é normal isso acontecer principalmente entre as pessoas mais jovens e tal insegurança não é nenhum demérito.

    Bem, chega de blá blá blá e vamos às dicas:

    1. Não há necessidade de colocar número de documento no currículo. Nos dados pessoais informe nome completo, endereço, contatos (inclusive Linkedin), estado civil e data de nascimento.
    2. Nos objetivos, coloque a área de atuação pretendida de maneira clara. Não precisa citar a nomenclatura de cargo, a não ser que você encaminhe o currículo para uma vaga em específico.
    3. Seguindo esta ordem, a próxima etapa de preenchimento de um currículo é a Formação Escolar. Comece pela formação mais recente, indicando o nome do curso, a instituição e data de conclusão. Preencha as demais formações em ordem decrescente (de tempo). Cursos que tenha feito a muito tempo e desatualizados não precisam ser informados.
    4. O próximo item a ser preenchido é um breve resumo de suas habilidades e competências. Cite pelo menos 5 itens nos quais você é competente e possui diferenciais.
    5. Na sequência, informe as atividades profissionais (empregos e cargos). Coloque o cargo, breve descrição da sua atividade e o nome do empregador (empresa).
    6. A última etapa do preenchimento de um currículo consiste em colocar outras atividades que tenha realizado e que sejam relevantes, tais como intercâmbio, curso de aperfeiçoamento, premiações em concursos, projetos de iniciação científica, trabalhos voluntários, dentre outros.

    Viu só, não é nenhum bicho de sete cabeças.  Ah, e respondendo às perguntas iniciais: evite letras enfeitadas; não há necessidade de informar a pretensão salarial (a não ser que seja formalmente solicitado pelo empregador) e; o currículo deve conter duas folhas, no máximo.

    Boa sorte e, caso ainda tenha alguma dúvida, comente aqui para nós.

    Espalhe por ai: