• Márquitin, a hipnose do mundo moderno

     A ação foi realizada há pelo menos 1 anos, mas é  um ótimo exemplo de como é possível para a publicidade a reinvenção da sua própria linguagem. Utilizando de um recurso de metalinguagem como ponto central do discurso retórico, o filme “Márquitin” – criado pela agência Talent para a Maxhaus e veiculado em cinemas – brinca com a possível influência que as ações de marketing causam nos consumidores. O texto, em narrativa, apresenta com bom humor os diferenciais principais dos imóveis Maxhaus: arquitetura aberta e pontos inteligentes.

    “Toda a estrutura publicitária sustenta uma argumentação icônico-lingüística, que leva o consumidor a convencer-se, consciente ou inconscientemente”. (CARVALHO. 1996)

    Vídeo publicado aqui e aqui.

    Related Posts with Thumbnails
    facebook twitter Google Buzz MySpace delicious

    Espalhe por ai:

    Comentários


    1. muito legal esse video. gostei da história e do bom amor

    Deixe seu comentário

    Os comentários podem ser moderados. Não são aceitas mensagens com conteúdo preconceituoso, discriminatório, ofensivo e com linguagem grosseira ou obscena. Também não são aceitas mensagens que caracterizem spam ou que estejam fora do contexto do blog.

    O blog não se responsabiliza pelos comentários efetuados por terceiros e se reserva o direito de, a qualquer tempo, retirar qualquer mensagem publicada.

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *


    Você pode usar estas tags e atributos de HTML: tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>