• Embalagem de preservativo inspirada na saga Star Wars

    Bem interessante a combinação de imagem, texto e  criação no trabalho do designer italiano Benedetto Papi em embalagens de preservativos. Com excelente peso harmônico e estético e uma pitada de humor, as artes podem agradar fãs e simpatizantes da saga de George Lucas. Até o momento, nenhuma indústria manifestou interesse nas artes, segundo o próprio Papi. Entretanto, com um bom contrato de licenciamento, é quase certeza que a ideia logo vingará.

    Confira as artes.

    (mais…)

    Espalhe por ai:
  • A lata branca da Coca-Cola

    Imagem daqui: http://oblogdastorm.wordpress.com

    E a famigerada lata branca da Coca-Cola continua dando o que falar. Planejada para fazer parte de uma promoção que une consciência ambiental sobre o risco de extinção dos ursos polares e ajuda financeira para a organização World Wide Fund – WWF (a própria The Coca-Cola Company fez um donativo inicial de USD 2 milhões), a embalagem branca aparentemente não caiu no gosto dos consumidores conforme informações em sites (1, 2, 3). Apesar da companhia não propagar informações oficiais sobre o caso, fato é que as embalagens estão sendo trocadas por versões na cor clássica – vermelha – e, ao que tudo indica, a percepção negativa com a mudança de cor falou mais alto. Toda prática que implica na mudança de elementos semióticos (estímulos) de identificação da marca/produto com a cognição inicial possui risco de rejeição (a própria Coca-Cola já vivenciou episódios negativos quando lançou a New Coke em 1985) que são estudados pelas ciências da comunicação nos modelos semiótico – O modelo semiótico de comunicação é aquele em que a ênfase é colocada na criação dos significados e na formação das mensagens a transmitir. Do ponto de vista prático, além da rejeição à nova embalagem, houveram relatos de confusão com o produto Diet da mesma empresa.  A marca Coca-Cola e todos os aspectos que a cercam estabeleceram ao longo do tempo uma simbiose com o país de origem, fazendo dos consumidores coadjuvantes na história do produto e é essa relação que se quebra quando elementos típicos são alterados. Em casos como esse, é possível ser utilizado displays específicos com muita comunicação no ponto de venda para que a confusão não ocorra e seja imediatamente sanada, ressaltando o caráter da promoção ambiental em conjunto com a WWF.

    Espalhe por ai:
  • Embalagens plástica para “gerar” luz

    Taí uma ideia excelente e de baixo custo para reaproveitamento de embalagens plásticas PET e que soluciona momentaneamente problema de iluminação diurna em residências de famílias de baixa renda. A iniciativa já é realidade em alguns países e até mesmo no Brasil, como podemos ver nos vídeos a seguir.

    Espalhe por ai:
  • Embalagem criativa: Audiovox

    Bem criativas as embalagens de fone de ouvido da marca Audiovox. A ideia é interessante pois une a embalagem/área de rotulagem e produto em uma comunicação complementar, e desta forma proporciona prazer estético a quem a vê.

    Espalhe por ai:
  • Nova embalagem do Guaraná Antarctica

    A Ambev renovou as embalagens do Guaraná Antárctica. Assinada pela agência Narita Design, as novas embalagens reforçam a identidade brasileira através das cores e o efeito em splash que aumenta a visibilidade da do logo/marca. Além da mudança no grafismo, a cor da embalagem mudou para um tom mais escuro de verde

    Embalagens antiga e nova do Guaraná Antarctica


    Espalhe por ai: