• Leão Ice Tea limão

    Após concretizar a compra  em 2009 da centenária empresa brasileira Leão Júnior ( Matte Leão ) e ter aprovação definitiva do Cade (para a aprovação, a Coca-Cola abriu mão da marca Nestea, ficando a propriedade e comercialização da mesma somente com a Nestlè), a Coca-Cola lança este ano o produto Leão Ice Tea Limão Zero com nova fórmula.  A família do produto está constituída pelas versões lata de 340 ml e PET, de 1,5 litro. Veja abaixo a embalagem lata com grafismos  que seguem a tendência de curvas suaves e com fontes arredondadas, além de privilegiar fundo clean.

    Espalhe por ai:
  • Sinalização e interação

    Alguma ações, apoiadas pelas novas tecnologias, são surpreendentes. Desenvolvida pela Nokia na Inglaterra,  esta placa (maior placa de sinalização do mundo!) oferece visibilidade da marca Nokia e  claro, sinaliza. Mas como funciona? Estando próximo da placa (50 metros) é só enviar um sms que a placa indica a direção.  Simples e fantástico, não? Assista o vídeo abaixo.

    The World’s Biggest Signpost from adghost on Vimeo.

    Encontrei no Updateordie e Nokia.

    Leia também

    :: Jornalismo levado a sério…bem, nem tão sério assim
    :: Tendência em publicidade na Europa
    :: O poder da mídia
    :: Se beber, não dirija
    :: Comunique-se bem

    Espalhe por ai:
  • Estratégia ofensiva

    Provavelmente você está acompanhando o “recall” dos veículos Corolla, Camry, Matrix, Avalon, Tundra, Sequoia, Venza, Prius, Lexus, Tacoma, e Highlander da marca Toyota.  “Recall” é uma chamada/convocação para que proprietários de produtos retornem os mesmos até postos autorizados para averiguação ou troca de componente em falha detectada pelo fabricante em grande quantidade de lotes. No caso específico da Toyota, a falha detectada está no pedal do acelerador que, por motivos ainda desconhecidos — de acordo com a Toyota — afetam o tempo de retorno do acelerador à posição zero. Além do recall, a companhia japonesa está com produção e venda suspensa (ainda, conforme a empresa, atualmente 2,3 milhões de automóveis podem ser acometidos pelo problema, mas o número total pode chegar a 8 milhões  (Fonte: egmCarTech e Veja — obs.: as unidades produzidas no Brasil estão livres desta falha). Confira aqui os modelos convocados para recall.

    Bem, mas não é este fato em específico que vou abordar. Quero comentar sobre a técnica da estratégia ofensiva, que se resume em descobrir uma fraqueza na força do concorrente. Entendeu? Determine as maiores forças de seu principal concorrente e descubra fraquezas determinantes nesta(s) forças. Repare que isso requer desenvolver a inteligência de marketing. A partir do momento que você determinou essa fraqueza em uma das forças do líder ou concorrente, ataque! Mas, como atacar? Aqui está mais um detalhe importante desta técnica, ou seja, sua empresa, produto ou marca deve desenvolver uma força concreta que acentue a fraqueza do concorrente e utilizar promoção de vendas e comunicação com mensagem (argumento lógico) que remeta uma força à você, conforme a fraqueza do outro. Compreendeu?

    Mas porque citei o ocorrido com a Toyota? Acontece que a falha e demora em solucionar o problema técnico abriu uma grande fraqueza na maior força que o produto possui: durabilidade(confiança) e quebra da ideia mercadológica de valor por conta do preço baixo de venda(nos Estados Unidos um Corolla zero km com vários acessórios é vendo por USD 18.000, por exemplo).

    Desta forma, algumas montadoras concorrentes estão utilizando a estratégica ofensiva, oferecendo condições especiais para troca do Toyota por suas marcas. A Hyundai, Chrysler, Ford e GM estão promovendo incentivos de USD 1.000 (Um mil dólares) para troca.

    gmxtoyota-recall

    Notas de rodapé: *Os clientes qualificados que estão financiando a compra de veículo podem receber financiamento de 0 por cento para até 60 meses. *Os compradores receberão 1.000 dólares.

    Espalhe por ai:
  • Um presente. Mil fantasias

    “Um presente. Mil fantasias”. Este foi o tema da campanha de Natal da Victoria’s Secret. O vídeo, uma superprodução produzida por Michael Bay (Armagedon, Pearl Harbor e Transformers), reproduz muita sensualidade e toda a atração que a marca de status causa no seu mercado-alvo. A angulação utilizada, de baixo para cima, proporciona às cenas uma impressionante sensação de poder. Pura luxúria, um vídeo ousado!

    Fonte: Jornal Briefing.

    Leia também

    :: Se beber, não dirija
    :: O que é o Twitter?
    :: Sociedade do espetáculo
    :: Chroma Key
    :: “Embromation” – viral

    Espalhe por ai:
  • Hábitos de consumo

    A dinâmica do marketing compreende as grandes áreas de “inteligência” e estratégia de “marketing”. A “inteligência” de marketing é o estudo completo do mercado e de todas as interferências e influências direcarrinhoavetas e indiretas (situacionais) que formam o “ambiente de marketing”. Compreende a análise dos três “C’s – Cliente, Corporação e Concorrência. Outro alvo de investigação, que forma a base da inteligência de marketing são os comportamentos e hábitos de consumo, a partir das necessidades e desejos humanos, além da relação do homem na sociedade em que vive.

    Recentemente, o Instituto Ibope realizou a pesquisa “Ibope Mídia Brasil” e algumas constatações úteis foram formalizadas:

    – o prazer associado ao consumo está presente para 49% das mulheres e 36% dos homens;
    – a troca de marca – não fidelização – é uma característica comum para 53% das mulheres;
    – o quesito conveniência (praticidade, facilidades para o dia a dia) é determinante para a compra de um produto, para 80% das mulheres;
    – o preço constituí uma variável importante, na decisão de compra;  (Fonte: Ibope Mídia Brasil).

    Leia também

    :: Produto – Teste de Mercado
    :: O comportamento do consumidor e a teoria da diversão
    :: Ambiente de Marketing
    :: Qual a importância do profissional de marketing?
    :: Marcas que marcam

    Espalhe por ai: