• A violência não pode ser maquiada

    A Avon transformou o painel da Otima (Av. Paulista 1912) em uma vitrine totalmente transparente. Desenvolvida pela agência NewStyle, a campanha “Linha 180” busca conscientizar a sociedade sobre o combate à violência doméstica no país.

    AVON - AvPaulista - 08 (2)

    Informações para a imprensa:
    Otima
    CDN – Comunicação Corporativa
    Marina Wodewotzky – marina.wodewotzky@cdn.com.br – (11) 3643-2834

    Espalhe por ai:
  • The Sunday Times divulga vídeo institucional com elementos culturais em plano sequência

    O jornal britânico The Sunday Times veiculou um vídeo institucional muito interessante utilizando vários elementos artísticos / culturais popularmente conhecidos e filmados com a técnica de plano sequência. O resultado foi uma bela obra-prima! O curta-metragem foi criado pela agência de publicidade Grey (Inglaterra) e o vídeo produzido pela Us Production Company – Academy Films.

    Abaixo segue o vídeo pronto e logo depois o making of que possibilita verificar como as cenas foram realizadas, sem cortes.

    Making of

    Espalhe por ai:
  • Como fazer uma publicidade de caminhão? A Volvo mostra como se faz

    Como comunicar com eficácia os conceitos de estabilidade e dirigibilidade de um caminhão? A Volvo e a agência contratada (Forsman & Bodenfors) para planejamento e execução da campanha publicitária mostram, em um vídeo de 1’17” e com a ajuda do garoto propaganda Van Damme, como se faz. Na cena, dois caminhões Volvo Dynamic Steering são pilotados e sincronizados em marcha a ré. Surpreendente! Lindo! E sem qualquer apelação ou excessos de firulas.

    É assim que se faz publicidade, confira no vídeo abaixo:

    Espalhe por ai:
  • Anúncio apresenta mensagens diferentes a partir do ângulo de visão

    Feita para a ONG Aid to Children and Adolescents at Risk Foundation – ANAR, o anúncio possui mensagem contra o abuso infantil que só crianças podem ler/ver. A proposta é que adultos e crianças vejam mensagens diferentes, a partir de uma camada superior lenticular que muda a exposição da mensagem a partir do ângulo de visão. As crianças possuem menor estatura e sua angulação de visão do mundo é sempre de baixo para cima (abaixo de 1,35 cm) e este foi o conceito usado para a criação da peça que, por sinal, é sensacional!

    “Desse modo, quando um adulto – ou qualquer pessoa com mais de 1,35m – olhar vai ver apenas uma imagem de uma criança triste e uma mensagem: “às vezes, o abuso infantil só é visível para a criança que sofre.” Mas quando a criança visualiza o anúncio, ela vê feridas no rosto do garoto e uma mensagem muda: “se alguém te machucar, ligue e nós ajudaremos” junto com o telefone da fundação. É uma abordagem interessante, especialmente se o autor das agressões está ao lado da criança. Fonte: http://br.noticias.yahoo.com

    Confira a peça e mais explicações, no vídeo abaixo:

    Espalhe por ai:
  • Comercial do Greenpeace gera polêmica com Coca-Cola

    Uma propaganda criada pelo Greenpeace Austrália promete acirrar uma polêmica junto a empresa Coca-Cola. No vídeo, a ONG relata os problemas que embalagens de refrigerantes podem causar a fauna, pelo fato das aves ingerir componentes das mesmas. Em verdade, as embalagens, quando mal descartadas, provocam prejuízos à todo ecossistema e, além delas, também os restos de alimentos e outros materiais podem causar os mesmos problemas. Exemplos não faltam: chicletes descartados nas ruas, vazamentos de óleo combustível nos mares, descarte errado de óleo de cozinha, falta de política de reciclagem de materiais, resíduos industriais que voltam para o meio ambiente, dentre outros.

    A polêmica, no caso, está na associação do problema somente com a marca Coca-Cola, conforme o vídeo apresenta. Ainda não viu? Confira e deixe sua opinião!

    Via

    Espalhe por ai: