• A oportunidade no smartphone

    Por @nielsenbr. Desde o boom da internet, no início dos anos 2000, muitas mudanças aconteceram na sociedade. A principal delas é que as pessoas estão mais conectadas: recebem diariamente um turbilhão de informações, vindas de diversas fontes. Esse processo gradualmente se intensifica, sobretudo mais recentemente, em virtude da conveniência de acesso proporcionada por dispositivos móveis, como tablets e smartphones.

    Atualmente, 36% da população ao redor do mundo com acesso à internet possuem um smartphone. Comparando com 2010, esse número cresceu 15 pontos percentuais, segundo a pesquisa global da Nielsen sobre comunicação em multi-telas. As facilidades oferecidas por um único aparelho geram vários novos interesses na população.

    Para dar um exemplo de novas possibilidades geradas pela tecnologia, 63% da população global adeririam à facilidade de pagar contas de lojas e restaurantes por meio do smartphone. Os mais propensos a usar esse tipo de tecnologia são os latinos, pois 17% deles afirmaram que definitivamente fariam seus pagamentos em dispositivos móveis. “Temos aqui uma oportunidade de negócio, tanto para a indústria que desenvolve a tecnologia, quanto para toda a cadeia de pagamentos”, afirma Thiago Moreira, diretor de Telecom na Nielsen Brasil.

    O desafio está lançado para a indústria: difundir esse meio de pagamento o mais rápido possível, já que a demanda está pronta para ser absorvida.

    Pretensão de compra de smartphones

    Fonte: Nielsen Brasil / Twitter: @nielsenbr

    Espalhe por ai:
  • Com recurso da holografia 3D, artista falecido em 1996 “se apresenta” em show

    A realidade da holografia 3D do artista Tupac, falecido no ano de 1996, impressiona! A “aparição” holográfica aconteceu no dia 15 de abril em um evento(Festival Coachella) de música na Califórnia(EUA), juntamente com o astro rapper Snoop Dogg, inclusive com interação entre ambos e com a plateia. A empresa responsável pelo desenvolvimento da tecnologia e projeção holográfica foi a AV Concepts. Segundo o Diretor da empresa, um projeto como esse pode custar até 400 mil dólares.

    Espalhe por ai:
  • Como se produz ovo de Páscoa

    Um dos períodos sazonais mais importantes para a indústria e comércio é a Páscoa. Sem entrar no mérito do significado religioso da data, o evento tem caracterizado também uma possibilidade de renovação no faturamento de muitas empresas, fato que eleva o nível de emprego e melhora o desenvolvimento econômico e social dos envolvidos direta e indiretamente. Um dos produtos com maior apelo de compra por impulso e até por tradição é o ovo de Páscoa. Para 2012, a prpodução estimada é de 22,9 mil toneladas (100 milhões de ovos), conforme a Associação Brasileira da Indústria de Chocolate, Cacau, Amendoim, Balas e Derivados (Abicab). Esses dados conferem ao Brasil a posição de 4º maior produtor de chocolate do mundo. Mas, você sabe como é produzido? Veja no vídeo abaixo:

    Veja também
    :: Como se produz um automóvel
    :: Como se produz goma de mascar
    :: Como se produz tampinhas para embalagem de bebidas

    Espalhe por ai:
  • Como encher um copo like a boss

    Sensacional a produtividade da máquina de encher copos, por baixo. Isso mesmo, criada pela empresa GrinOn Industrie a máquina Bottoms UP Beer realiza o enchimento de 44 copos (especiais, adequados ao sistema da máquina) em apenas 1 minuto.

    Veja o vídeo:

    Como funciona? “Cada copo tem um buraco na parte inferior que é selada com um ímã circular. A máquina enche o copo com cerveja, e quando o copo é retirado o imã veda o furo. Isso acaba resultando em uma cerveja melhor, pois o copo é cheio com uma velocidade maior e sem mexer muito, gerando menos espuma e que menos cerveja seja desperdiçada” (Fonte: http://mais.uol.com.br)

    Espalhe por ai:
  • O futuro, na década de 50

    Ví esse vídeo atribuído á GE no Blogs Pop Tech e é realmente impressionante. Observe como a maioria dos produtos do nosso cotidiano já tinham sido previstos em meados da década de 50. O conceito embutido é do produto potencial, ou seja, da análise de tendência para o desenvolvimento de novos produtos do “amanhã”.

    Gostou? Legal né? Aproveite e confira os carros idealizados na década de 50, também para o futuro. Clique aqui.

    Espalhe por ai: