• Marcas, logomarcas e mascotes – uma pequena visão semiótica

    Interessante animação produzida com logomarcas, marcas e mascotes. É importante observar também que, no estudo da semíotica, os elementos que formam os signos – significante e significado; C. S. Peirce (1839-1914) – tornam-se composições concretas de linguagens que representam algo ou   alguma coisa  para os receptores, e disputam os espaços nos meios que usamos e vivemos. Desta forma, as marcas, mascotes e produtos formam um mundo paralelo repleto de significados e com interação com na sociedade.

    Espalhe por ai:
  • New media

    Em outro post, comentei sobre a possibilidade de projeção 3D em edifícios como técnica para a propagação de ideias ou publicidade de produtos e serviços. Além das projeções, também cresce a aplicação de touch. É, ainda estamos do lado de fora das tendências. A vanguarda ainda não está conosco.

    Pois bem, estas técnicas estão se popularizando bem rápido na Europa e EUA. Veja vídeo abaixo com apresentação do portifólio da empresa Obscura Digital.

    Vídeo via LiveLeak

    E aí, o que achou?

    Espalhe por ai:
  • Tendência em publicidade na Europa

    Provavelmente está nascendo uma nova técnica publicitária, na Europa. A técnica, disponível por conta de tecnologia, consiste em projeção 3D em edifícios. Evidente que ainda é muito cedo para apregoar isto ou aquilo, mas é um tipo de ação pautada pela possibilidade de utilizar novas mídias e com boa capacidade de encantamento.

    Confira alguns exemplos no vídeo abaixo. Via NuFormer.

    Projection on Buildings from NuFormer Digital Media on Vimeo.

    Leia também

    :: O poder da mídia
    :: Uso das mídias sociais #2
    :: Mídia – Hand from above
    :: Mídia funcional
    :: O que é o Twitter?

    Espalhe por ai:
  • Ataque de Pânico!

    Ataque de Pânico é o nome do sensacional curta metragem filmado no final de 2009 e dirigido pelo uruguaio Fede Alvarez. O curta apresenta em 04:48 minutos fantásticas cenas com animação gráfica de uma invasão e ataque à Montevideo, capital do Uruguai. Durante as passagens de cenas, várias simbologias que remetem ao emocional são utilizadas, de forma sutil. A trilha sonora é da banda Snake (também uruguaia). Ainda, tão surpreendente  quanto a qualidade da criação do curta, são os fatos relatados abaixo:

    O curta foi produzido com uma verba de apenas USD 300 (trezentos dólares);

    O link do vídeo no Youtube possui mais de 5 milhões de exibições;

    A única divulgação realizada foi através do Youtube.

    A obra possui citação exclusiva no Wykipedia;

    Mais de 110.000 resultados no Google, associado com “ataque de pânico filme”;

    Dentre os milhões que assistiram o vídeo, Sam Raimi – Diretor de “Evil Dead” e “Homem Aranha” – também viu;

    Segundo o próprio Fede Alvarez, somente  4 dias após postar o vídeo já “começou a receber e-mails de estúdios de Hollywood, como Dreamworks, Sony, Universal…”

    Resumindo, o curta terá uma versão cinematográfica, produzido por Fede com uma verba de USD 30 milhões (trinta milhões de dólares) a partir de um contrato com a Ghost House Pictures, de Hollywood.

    Impressionante a força da internet como meio de comunicação e de difusão rápida de uma informação.

    Bem, chega de papo. Assista o curta metragem abaixo e comente!

    Espalhe por ai:
  • Viva Calaca

    E aí, jávivacalaca sabe o que é Viva Calaca? Bom, Viva Calaca é uma excelente animação produzida pelo diretor de arte e designer espanhol Ritxi Ostáriz. O curta foi criado em 2008, baseado no feriado do Dia dos Mortos e apresenta ótima roteirização e passagens de cenas animadas, além da sensacional trilha editada a partir da canção “Day of the Dead”, do compositor e cantor americano Voltaire. A peça foi finalista do Future Shorts.

    Confira a animação, abaixo.

    Quer um papel de parede Viva Calaca? Baixe aqui.

    Espalhe por ai: