• Jornalismo levado a sério

    A atividade jornalística é fundamental para a busca, verificação e distribuição de informação correta e relevante para a sociedade. Evidente que, quando desenvolvido de forma imparcial e ética, colabora para o enriquecimento da democracia e orientação dos cidadãos, independente da área jornalística. De fato, há fatos!

    Infelizmente, em alguns momentos, as informações originam-se de fonte imprecisas ou não verdadeiras, alardeadas pela curiosidade humana,  por desejo de brincadeira, proliferação de ruídos ou outro tipo de deturpação da mensagem. Desta forma, em se tratando de material jornalístico é crucial que toda informação seja averiguada e as fontes devem ser altamente confiáveis.

    Pois bem, infelizmente, no dia 09 de janeiro uma informação foi  publicada em um veículo jornalístico, através de seu portal/canal na internet sem considerar a correta averiguação – a informação/fonte é um usuário do twitter com um perfil fake, supostamente atribuído à apresentadora Hebe Camargo.  Claro que, após o incidente, tal matéria virou “prato cheio” para piadas e outras chacotas.

    Abaixo reproduzo a imagem da notícia e preservo os nomes por respeito a todos os envolvidos.

    "Ela aproveitou para explicar como faz para se divertir ("saio correndo pelo hospital de cadeiras de rodas. Nunca ri tanto na minha vida. Obrigada enfermeiras")"
    “Ela aproveitou para explicar como faz para se divertir (“saio correndo pelo hospital de cadeiras de rodas. Nunca ri tanto na minha vida. Obrigada enfermeiras”)”

    Espalhe por ai:
  • Tendência em publicidade na Europa

    Provavelmente está nascendo uma nova técnica publicitária, na Europa. A técnica, disponível por conta de tecnologia, consiste em projeção 3D em edifícios. Evidente que ainda é muito cedo para apregoar isto ou aquilo, mas é um tipo de ação pautada pela possibilidade de utilizar novas mídias e com boa capacidade de encantamento.

    Confira alguns exemplos no vídeo abaixo. Via NuFormer.

    Projection on Buildings from NuFormer Digital Media on Vimeo.

    Leia também

    :: O poder da mídia
    :: Uso das mídias sociais #2
    :: Mídia – Hand from above
    :: Mídia funcional
    :: O que é o Twitter?

    Espalhe por ai:
  • Você é o futuro

    Inicio as publicação de posts do ano de 2010 com uma campanha publicitária de 2006, inspirada em “O homem bicentenário”. Nesta peça, de produção meticulosa e alta qualidade, utiliza-se como conteúdo temático a tecnologia e o futuro, através da constante busca do ser humano acerca de si mesmo.  Como obra-prima que é, a peça enfatiza que “VOCÊ É O FUTURO”  representado na aceitação do robô como “um ser criado” e não, como “criação”. O envolvimento causado pelo giro das câmeras e a trilha dá o tom deste vídeo sensacional e o texto proporciona o aprofundamento filosófico-intelectual que combina com o posicionamento estratégico adotado pela marca. A ação institucional, mais do que reforçar componentes mercadológicos, sugere o “ser”, figura nem sempre presente nas ações publicitárias. Show de bola!

    Leia também

    :: Um post feito para o seu tempo
    :: Nike Trackball CTR360
    :: Quebraram o Youtube
    :: Gestão da Comunicação – Atividade acadêmica
    :: Cuidado ao contratar garoto propaganda

    Espalhe por ai:
  • O mito da caverna

    O “Mito da Caverna” é um sensacional diálogo entre Sócrates e Glauco, publicado na obra “A República”, de Platão. Sócrates expõe como o ser humano, em determinados momentos, é dotado de uma cegueira que o impede de enxergar as reais situações da vida e com isso, perde oportunidades e finda-se em uma vida de limitações. Essa situação, trazida ao nosso mundo, repete-se por vezes em várias situações do cotidiano tais como: política, nas religiões e fanatismo, nas ciências, nas empresas através de procedimentos mal formulados e também nas crenças errôneas que são propagadas por vários meios, bem como o controle que os meios de comunicação exercem sobre os ignorantes.

    SÓCRATES – Pois agora, meu caro GLAUCO, é só aplicar com toda a exatidão esta imagem da caverna a tudo o que antes havíamos dito. O antro subterrâneo é o mundo visível. O fogo que o ilumina é a luz do sol. O cativo que sobe à região superior e a contempla é a alma que se eleva ao mundo inteligível. (Fonte: PLATÃO. A República).

    Maurício de Souza ilustra perfeitamente o mito, abaixo:

    Espalhe por ai:
  • Enquete estapafúrdia

    Definitivamente, alguns programas de televisão conseguem se superar. Por favor, não me interpretem mal pois em momento algum pretendo suscitar um pensamento preconceituoso ou falta de respeito com esta ou aquela determinação religiosa, até porquê vivemos em um Estado livre e laico.  Continuando o raciocínio, não que a vida extraterrena (novamente mantenho meu respeito por quem acredita e pelos que não acreditam) não deva ser discutida em mídia de massa, porém, utilizar de uma suposta condição que foge ao controle humano antes de viabilizar a possibilidade concreta de outros motivos é, no mínimo, uma decisão etapafúrdia.

    Em tempo: a dita enquete é uma pergunta aberta, ou seja, sem indicação de alternativas prontas.

    ets-e-o-apagao

    Espalhe por ai: