• Ação outdoor utiliza geiser e o transforma em garrafa de refrigerante

    No dia 20 de setembro publiquei o post “A informação como estímulo e as etapas da memorização“. Bem, para ilustrar a teoria utilizei como exemplo a ação realizada no geiser Paço de Arcos (Oeiras, Portugal) com a inclusão de uma “garrafa” gigante de Schweppes.

    Legal né! Mas você sabe como foi feito? Confira no vídeo abaixo.

    schweppes bottle oeiras from Pony Tale on Vimeo.

    Espalhe por ai:
  • O “efeito de Halo”, no Marketing

    O “efeito de halo” é a avaliação de um objeto(produto) ou até mesmo de outras pessoas com base em um ou poucas dimensões. Um exemplo fácil de entender se dá quando, em período eleitoral, indivíduos votam em outros apenas pela aparência física (beleza física) ou percepção de honestidade, ou seja, as dimensões utilizadas são numericamente insuficientes para uma decisão. Outra exemplificação típica é o julgamento positivo que fãs fazem sobre as chamadas “celebridades” baseadas, por exemplo, em uma ou duas características.

    Fernando Collor obteve muitos votos em função de sua aparência física

    No marketing, o “efeito de halo” também apresenta evidências em marcas e produtos. Recentemente, o iPad contribuiu para o aumento das vendas do produto  iPhone, e este fato foi entendido por alguns como um sinal do “halo”. Tal efeito acontece quando uma característica do produto encobre todas os demais atributos e o mesmo passa a ser percebido de forma intensa, sob aquele item. Marcas de referência em qualidade projetam o efeito de halo em extensões de suas linhas de produtos, ao carregar aos demais a associação positiva com a imagem da marca “mãe”.

    A marca mãe é "carregada" para os diversos produtos da empresa, criando efeito de halo




    Espalhe por ai:
  • Registro de marcas

    Muitas das Micro e Pequenas Empresas  – MPEs em nosso país não executam o registro de marca junto ao órgão competente para tal procedimento. O registro da propriedade de marca frente ao INPI protege contra a concorrência desleal e favorece o desenvolvimento de uma marca conhecida fora das fronteiras da empresa, porém dentro do território nacional. A propriedade propicia às empresas a base base para defesa jurídica legal da entrada de marcas idênticas em sua classe/objeto de atuação. Além disso permite comercialização da marca e abertura de sistema de franquia. Então porque muitas MPEs deixam de registrar suas marcas? Bem, durante 8 anos de minha atividade como consultor de marketing, alguns motivos estão bem claros:  desconhecimento sobre o que é registro é marca (muitos empresários confundem com a indicação de “nome fantasia” no registro do CNPJ ou no Contrato Social, na abertura da empresa); falta de capital; falta de planejamento; desconhecimento da importância do registro; crença de que o registro é desnecessário para sua empresa; desalento quanto ao tempo total do processo de registro.

    Como complemento deste post leia matéria “Fnac perde direito de registrar nome no Brasil” publicada no Jornal Valor Econômico”, clicando na imagem abaixo(arquivo em pdf).

    fnacave

    Leia também

    :: Extensão de marca
    :: Marcas que marcam

    Espalhe por ai:
  • Estratégia de comparação

    Inserida no contexto estratégico do marketing, a publicidade é uma das possibilidades de comunicação externa mercadológica, ou seja, a comunicação midiática tem como objetivo aumentar o valor atribuído ao produto ou serviço comunicado. Uma das estratégias de comunicação publicitária é a adoção de ação comparativa, que  consiste no desenvolvimento textual ou figurativo de um paralelo entre seu produto/serviço/marca com outros. Em nosso país há uma certa precaução na utilização desta estratégia que, se incorretamente utilizada, pode gerar ações de contra-ataque da concorrência, repulsa pelo público, ser submetido para análise pelo Conar e até mesmo ação jurídica. Em outros países, como EUA, este tipo de estratégia de comunicação é bem mais utilizada. Recentemente vi o anúncio impresso abaixo, um claro exemplo de ação comparativa.

    estrategiacomparacaoave1

    Espalhe por ai:
  • Alpino Fast

    Não posso deixar de mencionar o excelente post publicado pelo também excelente blog Coma com os Olhos sobre o produto Alpino Fast, produzido pela Nestlè. Neste caso, típico de extensão de marca, há uma infelicidade na comunicação desta bebida láctea. Segundo site do produto, “Alpino Fast – é o sabor inconfundível de alpino para beber em qualquer lugar”. Entretanto, ao adquirir o produto, nota-se na embalagem a frase “este produto não contém chocolate alpino” que soa incoerente com a proposta da extensão de marca e com a comunicação contida no site, citada acima.

    Fonte da imagem: coma com os olhos.com

    Fonte da imagem: coma com os olhos.com

    alpino

    Espalhe por ai: